terça-feira, novembro 14, 2006

Três porquinhos

Tomates, alface, berinjela, aipo, aspargo e champignon. Peixe, frango, gado. Toda variedade de frutas. Banquete.

No lixão, só os três guris, olhos atentos no caminhão que despeja os restos da cidade.

2 comentários:

QVINTVS FABIVS PICTOR disse...

A troco de mídia, acho. Se ele fizesse garranchos em papel, ninguém daria bola. Mas como ele faz os garranchos sobre documentos históricos a intelectualidade-pos-moderna diz que não é garrancho, é instalação. Detalhe para o sotaque gay, que me parece um componente importante para a projeção masculina no meio das artes plásticas.

mario pirata brincadeiro disse...

cruel de bonito!