sexta-feira, março 09, 2007

mãos atadas nas costas
feridas em meu peito
pés frios e descalços
os olhos gritam por socorro
na escuridão
você pica em pedaços meu gozo
castrador dos meus prazeres
engulo o grito
apaixonada pelo carrasco
Estolcolmo é dentro de mim

2 comentários:

Val disse...

E toda mulher que amou se reconhece nestas linhas!
Linda!Saudade!
Bjs,Val.

Rita disse...

Que tristeza, ahn?